As emissoras de TV ganharam uma ferramenta sem precedentes para apoiar as suas decisões comerciais e de programação. O SHOWCASE ANALYTICS aperfeiçoa a medição tradicional de audiência da TV aberta, analisando em tempo real os dados enviados por Smart TVs. É uma quebra de paradigmas, pois as amostragens são muito superiores às habituais, abrangem todo o país e estão disponíveis na palma da mão.  

Os dados reunidos pelo SHOWCASE ANALYTICS tem amplitude nacional e detalham o comportamento do público em gráficos e mapas de calor”, explica Marco Antonio Melo, CEO da SHOWCASE. “A nova geração de televisores conectados nos oferece um data lake, que multiplica a oferta de informações essenciais para gerenciar os canais de TV. Chegamos a um resultado excepcional graças à nossa capacidade de integrar tecnologias broadcast, broadband e big data”.

A TV Gazeta de São Paulo é a primeira a utilizar os recursos da nova solução. “Uma das vantagens do SHOWCASE ANALYTICS é exibir a audiência por região do país, com os pontos de calor naquele momento”, explica Iury Saharovsky, Gerente de Engenharia da TV Gazeta. “Ele identifica as Smart TVs conectadas e envia as informações de sintonia pelo canal de retorno (via IP). Desta forma nós temos um panorama de todo o Brasil”.

O aplicativo do SHOWCASE ANALYTICS é embutido no sinal transmitido, de forma similar às aplicações de interatividade da Televisão Digital. Tudo é feito pelo Implementador de Funções e Remultiplexador Inteligente IFN 100, também desenvolvido pela SHOWCASE e utilizado por dezenas de canais no Brasil e América Latina. Quando o canal é sintonizado por uma Smart TV, o aplicativo inicia a comunicação com o SHOWCASE ANALYTICS e o dispositivo passa a compor os mapas de calor e demais gráficos de maneira anonimizada.

Como o SHOWCASE ANALYTICS pode ser acessado em smartphones, as equipes comerciais sempre poderão apresentar aos clientes todos os gráficos, mapas e estatísticas”, destaca Saharovsky. “Dispor das informações sobre a audiência, com precisão e em qualquer tela, é extremamente valioso para definir planos comerciais e de programação, e o SHOWCASE ANALYTICS está pronto para isso”, completa Marco Antonio Melo.

SHOWCASE ANALYTICS na TV aberta

Num ambiente de hiperconectividade, os televisores conectados viabilizam recursos que vão muito além dos métodos tradicionais para medição de audiência, com dados mais ricos e confiáveis. O SHOWCASE ANALYTICS traz o poder do big data para acelerar decisões com as seguintes vantagens: 

  1. Ampliação substancial das amostras;
  2. Coleta contínua dos dados de interesse;
  3. Implementação simplificada em grandes regiões;
  4. Disponibilidade 24×7 para consulta em dispositivos móveis;
  5. Integração simplificada Broadcast-Broadband;
  6. Serviço modulado conforme o usuário;
  7. ROI de curtíssimo prazo.

Segundo pesquisa conjunta das empresas Smartclip e Nielsen, cerca de 90% dos domicílios brasileiros já dispõem de pelo menos uma TV Conectada. Com a solução da SHOWCASE será possível identificar quantos clientes únicos estão sintonizados numa cidade ou no país, bem como o tempo de retenção de cada televisor. Ainda estão disponíveis rankings e estatísticas ao longo do tempo para subsidiar as análises.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You May Also Like

EWBS dá primeiros passos no Brasil

Desmatamento e degradação das matas, aumento da poluição, práticas agrícolas inadequadas e…

SHOWCASE cria solução para distribuição e controle de canais regionais

A ShowCase apresentará o comutador digital de programação SPLICER na SET EXPO…