Tecnologia

SRT aplicado em estruturas ASI

SRT aplicado em estruturas ASI

A interface ASI (Asynchronous Serial Interface) é uma conexão unidirecional, que geralmente carrega um fluxo MPEG (MPEG-TS). Ao contrário das conexões SD-SDI e HD-SDI, um sinal ASI pode transportar um ou vários sinais SD e HD.

Geralmente, o sinal ASI é o resultado de um conteúdo em áudio e vídeo, pronto para transmissão por cabo coaxial, fibra ou micro-ondas. Por exemplo, na TV a Cabo, a conexão ASI é normalmente convertida para modulação QAM. Enquanto para transmissão em TV aberta é convertido para 8VSB. Os dois formatos de transmissão comumente usados pela interface ASI são o formato de 188 bytes e o formato de 204 bytes.

O fluxo de transporte ASI pode ter taxas de dados diferentes, mas a taxa de transferência é sempre 270 Mbps.

O protocolo SRT (Secure Reliable Transport) tem funcionado muito bem em aplicações de distribuição de TV aberta, incluindo a distribuição de sinais — vídeo MPEG em um fluxo ASI — de um estúdio para o transmissor ou para um headend de TV paga. O protocolo também está sendo usado para distribuição em aplicações onde uma central de exibição envia a programação para dezenas ou mesmo centenas de emissoras em todo o país.

O SRT também é cada vez mais popular para aplicações de contribuição, onde a flexibilidade na conexão de dois gateways pela internet pública é um grande benefício, sem depender de microondas, por exemplo. Ao usar um gateway com duas portas ethernet, basta configurar os links para dois provedores diferentes, garantindo a redundância para o caso de um fluxo cair.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *